A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #

Mike El Nite

"Malucos do Riso"

[Verse 1: Mike El Nite]
Há malucos p'ra tudo!
Até p'ra rir neste mundo
Ah ah ah ah! Ri-te macambúzio!
O riso é bom p'ra si use-o
Porque é que não nos damos ao dúbio
E encontramo-nos todos dentro do búzio
Onde a verdade parece reverberante
Epic!

(isto é importante, isto é o nome duma carta magic)

Mas a ilusão de mar não dá pa mergulhar
És fish enquanto o mergulho do orgulho te fizer nadar
Depois és lixo a boiar

Então boia
Ou flutua
E destrói a
Paisagem
A sequóia
A tua rua
Os detroia
A vadiagem

Não faz isso be bela
A tua vida é be bela
So que tu és granda nelson
Ttip "eu é que mando nela"

O apartheid
Ta mais alive
Que os pais da maddie
O madlib
E o kai kai kai
Kay kay kay?
Ai ai ai
Hey hey hey
E esta hein?
Contesta sem bombas depois vai a bomba e atesta bem

Cabecinha pensadora

Comédia fácil faz rir o teu cu médio
Mas fuck rir na selva rugir é o melhor re-médio
Vê o cego e segue-o em em direcção ao abismo alheio
E já que é p'ra palhaçada então operação nariz vermelho

Sou só mais um maluquinho este hospício inóspito
Mas não 'tou sozinho, olha o Pete vira o disco e cospe isso
Toma o comprimido que isso passa, disse-me o António
Depois tive variações e discuti com o meu heterónimo

[Hook]
Tou-me a rir dos nervos
Rir até partir os dentes
Dizem que rir é o remédio dos dementes
Então 'bora lá rir para fingirmos estar contentes
Tipo

Ah ah ah ah
Ah ah ah ah

Ah ah ah ah
Ah ah ah ah

Ah ah ah ah
Ah ah ah ah

Ah ah ah ah
Ah ah ah ah

[Verse 2: NoFake]
Esta minha gargalhada precoce
é sinal da minha linda psicose
Este riso que é um artigo que é vendido dose a dose
Não me deixa muita vontade para me rir de qualquer coise

Então mas não achas que dar-me a arma não é um pouco perigoso?
Click clack bang bang! páu!
Morres num tique nervoso
Achas que sou um tipo engraçado eu acho que um tipo amoroso
Há palhaço até te dou um grande abraço caloroso no pescoço

Ri-te da vida pois não há maior gargalhada
Do que quando chegares a velho dizeres que ainda não viveste nada
Mandares-te da janela do hospital em espiral na pedrada
E gritares durante a queda (reforma antecipada!!)

'Tou sempre lindo na fotografia
E o excesso de drogas no meu consumo é uma forma de terapia
Quando era puto tinha de ir p'a casa para ver o Dragon Ball
Hoje em adulto vou pa casa para ver o telejornal

Já nem animação me anima
Só tequila com uma lima
E o sarcasmo desta rima faz rir o homem lá de cima

A sociedade esta cheia de pessoas tão carentes
Que para fazê-las rir não precisos palhaços tão experientes
São tantos burros a rir de piadas inteligentes
E no fim acabam todos no consultório do dr. pentes
Vitima amarrada
Seringa preparada
Traz a pomada
Liga a tomada
Vamos fazer uma torrada

Stand up Kennedy
Light at the end of the tunnel, lady D
Toda a gente que referi deve ter morrido a rir
Se não?
Deviam

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #
All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics provided for educational purposes and personal use only.
© 2017 Lyrics Media Group Inc.